Resultado Telefônica (VIVT4) 2020: Lucro de R$ 1,1 B no 2t20
| ,

Resultado Telefônica (VIVT4) 2020: Lucro de R$ 1,1 B no 2t20

Telefônica divulgou seus resultados referentes ao 2t20, confira os destaques e se vale a pena investir na VIVT4.

Por
Atualizado em 30/07/2020

Os resultados da Telefônica (VIVT4) referente a suas operações do segundo trimestre de 2020, foram divulgados no dia 29/07.

Veja neste artigo os principais destaques do resultado da Telefônica do 2t20 e a análise fundamentalista da empresa.

Confira o calendário de divulgação de resultados do 2t20 das empresas listadas na Bolsa de Valores e a análise das empresas que a equipe do The Capital Advisor está realizando.

Leia até o final e descubra se a ação VIVT4 vale a pena.

Sobre Telefônica

A Telefônica Brasil S.A. (VIVT4) é a maior empresa de telecomunicações do país, com atuação em âmbito nacional e com um portfólio de produtos completo e convergente:

  • voz fixa e móvel;
  • banda larga fixa e móvel;
  • ultra banda larga;
  • dados e serviços digitais;
  • TV por assinatura e TI.

Com quase 94 milhões de clientes ao final de 2019, sendo 75 milhões de clientes na operação móvel e 19 milhões de clientes na operação fixa.

Composição acionária da Telefônica

AcionistaONPNTotal
Telefônica S.A.34,7%27,3%29,8%
Telefônica Latinoamérica Holding S.I8,2%32,2%24,1%
Artisan Partners Limited Partnership0,0%7,1%4,7%
Sp Telecomunicações Participações LTDA51,5%3,4%19,7%
Telefônica Chile S.A0,2%0%0,1%
Outros5,1%30%21,6%
Ações em Tesouraria0,4%0%0,1%
Banner will be placed here

Avaliação de Governança

A empresa está listada na Bolsa de Valores no segmento Novo Mercado, nível mais alto da B3.

EmpresaTelefônica Brasil S.A
CódigoVIVT4
SubsetorTelecomunicações
Segmento de ListagemTelecomunicações
Tag Along80%
Free Float5%
Principal AcionistaSp Telecomunicações Participações Ltda
Sitehttps://www.telefonica.com.br/

A empresa possui um free float de 5%, o que pode representar um problema de governança, ou seja, no interesse da empresa em atender as demandas dos investidores, que representam atualmente apenas 5% do capital social.

A empresa possui um tag along  de 80%, indicando que o acionista minoritário estará protegido em boa parte se os controladores da empresa vendam sua participação na companhia.

Ambos indicadores ajudam na análise da governança corporativa da empresa, porém não dizem respeito da sua capacidade de geração de caixa ou de sua rentabilidade.

Agora chegou a hora analisar os resultados e os principais múltiplos da análise fundamentalista da companhia.

Conhece as Maiores Ações de Dividendos? Baixe Grátis o “Ranking das Top 10 Pagadores de Dividendos”.

Resultado Telefônica no 2t20

A empresa apresentou um lucro líquido de R$ 1,1 bilhão no 2t20, uma queda de 21,6% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Confira os principais destaques dos resultados da Telefônica do segundo trimestre de 2020:

Indicador2t201t20%2t19%
Lucro Líquido (R$)1,1 B1,1 B0%1,4 B-21,6%
Margem Ebitda (%)39,8%41,6%-1,8 p.p.39,2%0,05 p.p
Margem Bruta (%)47,4%49,6%-2,2 p.p.50,1%-2,7 p.p.
Margem Líquida (%)10,8%10,7%0,1 p.p13,1%-2,3 p.p

Resultados Operacionais da Telefônica no 2t20

O Resultado do 2 trimestre de 2020 da VIVT4 veio em linha com o que o mercado aguardava, demonstrando solidez em seus números diante de um cenário desafiador.

A receita operacional líquida de VIVT4 caiu 5,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

As linhas de receita da companhia são divididas em dois grupos: móvel e fixa.

Atualmente a linha com maior relevância é a móvel correspondendo a aproximadamente 70% da receita.

Á seguir mencionamos os principais pontos referente às vendas de VIVT4:

Segmento Móvel

O segmento móvel representa 65% da receita líquida da companhia e foi impactado tanto por conta das vendas de aparelhos (-41%) quanto pelos serviços (-1,5%).

O atual cenário exige que as lojas físicas permaneçam fechadas com isso imaginamos o maior desafio da empresa em vender aparelhos e até mesmo amarrar o cliente com serviços, pensando que quando se tem o cliente na loja esse tipo de conversão é facilitado.

Gráfico: receita liquida segmento móvel Telefônica 2t20
Gráfico: receita liquida segmento móvel Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica.

Ainda no segmento móvel o total de acessos cresceu 1% com destaque  para o pós-pago (+3,4%), mensagem positiva considerando que no pós pago a empresa tem um contrato com o cliente, gerando mais valor em relação ao cliente pré pago que não possui nenhum compromisso do ponto de vista contratual.

Sabemos que não é tão simples cancelar um serviço pós pago onde o cliente fica muito mais amarrado a empresa. 

Atualmente 57,9% da base total de acessos móveis se encontra no pós pago.

O Market Share móvel atingiu 33% em maio de 2020, 8,6% maior do que o segundo colocado, e a maior participação de mercado nesse segmento em 14 anos.

Gráfico market share Telefônica 2t20
Gráfico market share Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica.


Segmento Fixo

No segmento fixo a receita apresentou queda de 5,1%.

Apesar da queda diretamente impactada pela Pandemia, acho que a mensagem é positiva quando olhamos a evolução da banda larga que cresceu na comparação trimestral 6,7%.

Gráfico receita liquida segmento fixo Telefônica 2t20
Gráfico: receita liquida segmento fixo Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica.

Detalhando a linha de internet em banda larga, o segmento de FTTH, que é a fibra ótica, tem ganho cada vez mais relevância na receita da companhia e atualmente representa 19% da receita do segmento fixo e 7% da receita total.

Gráfico evolução fibra ótica FTTH da Telefônica 2t20
Gráfico evolução fibra ótica FTTH da Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica

Outro aspecto que vale destacar na receita fixa é o crescimento de dados corporativos e TIC suportada por um portfólio completo de soluções para negócios, vamos ficar atentos com a evolução deste segmento.

Dito tudo isto, do ponto de vista de receita, apesar da queda de 5% que impactou o resultado como um todo, entendemos que há qualidade nos indicadores mencionados e que se não fosse pelo impacto do COVID-19 os números poderiam ter apresentado crescimento.

Custos da Telefônica no 2t20

Gráfico custos da Telefônica 2t20
Gráfico custos da Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica.

Os custos da companhia caíram quase 6% ajudando a minimizar o impacto em receita causado pela desaceleração econômica no trimestre.

Destacamos a queda das despesas de comercialização que representam 33% do custo e tiveram 6% de redução na comparação trimestral devido a menor atividade comercial do período e a crescente digitalização e automação de atividades relacionadas ao atendimento ao cliente.

Iniciativas digitalização Telefônica 2t20
Iniciativas digitalização Telefônica 2t20. Fonte: Telefonica.

Esse fato ajudou a companhia a mesmo com queda na receita ter apresentado uma margem ebitda 0,06p.p melhor do que no 2T19

Ebitda margem Telefônica 2t20
Ebitda margem Telefônica 2t20. Fonte: Telefônica.

Conhece as Maiores Ações de Dividendos? Baixe Grátis o “Ranking das Top 10 Pagadores de Dividendos”.

O EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) do 2T20 foi de R$ 4.103 milhões, uma redução de 3,8% em relação ao mesmo período no ano anterior e olhando para o Ebitda do semestre temos queda de 1,1%.

No 2T20, o Lucro Líquido teve uma redução de 21,6% na comparação anual em função:

  • menor EBITDA;
  • maiores gastos com depreciação;
  • maior despesa com impostos no trimestre.

As despesas foram parcialmente compensadas pelo melhor resultado financeiro.

Gráfico histórico lucros trimestrais Telefônica (VIVT4) 2t20
Gráfico: Histórico de lucros trimestrais da Telefônica. Fonte: GuiaInvest.

Para fazer uma análise do desempenho da empresa, quanto a empresa gera de retorno financeiro, avalie também outros indicadores de rentabilidade, como o giro do ativo e o Retorno sobre o Ativo (ROA).

Conhece as Maiores Ações de Dividendos? Baixe Grátis o “Ranking das Top 10 Pagadores de Dividendos”.

Endividamento da Telefônica

Os indicadores de endividamento da Telefônica estão dentro da normalidade, com uma robusta posição em caixa.

Houve uma redução da dívida bruta, que se deve à liquidação de empréstimos e financiamentos no período. A Companhia não possui dívida denominada em moeda estrangeira.

Veja a evolução histórica dos últimos 10 anos do endividamento da Telefônica:

Gráfico histórico endividamento Telefônica (VIVT4) 2t20
Gráfico: Histórico Endividamento Telefônica. Fonte: GuiaInvest

Além do endividamento, lembre-se sempre de analisar os outros indicadores de estrutura de capital da empresa, como o endividamento geral, terceiros, composição e imobilização de recursos e não recorrentes.

Faça uma comparação do endividamento dos concorrentes da empresa, que estão inseridas no mesmo setor.

Por fim, avalie também os indicadores de liquidez que fazem parte do conjunto de índices financeiros, para  medir a capacidade financeira da empresa em satisfazer seus deveres junto a terceiros.

Principais Indicadores Fundamentalistas

Veja abaixo os principais indicadores fundamentalistas do Telefônica para iniciar a sua análise dos fundamentos da VIVT4.

Indicador03/202006/2020Evolução
Preço/Lucro (P/L)19,618,0-8,2%
Preço/Valor Patrimonial (PVPA)1,41,2-14,3%
Dividend Yield (DY) %6,4%6,2%-0,2 p.p.
Payout %124,9%111,4%-13,5 p.p.
Price Sales Ratio (PSR)2,21,9-13,6%
Valor de Mercado (R$)97,9 B81,1 B-17,2%
Ebit (R$)1,979 B1,326 B-33,0%
Ebitda (R$)4,967 B4,103 B-17,4%
Lucro por Ação (LPA) $2,96152,6681-9,9%
Rent. Patr. Líq. (ROE) %7,1%6,5%-0,6 p.p.
Margem Líquida %11,3%10,3%-1 p.p.
Liquidez Corrente1,11,0-0,1 p.p.
Data Divulgação19/02/2029/07/20

* Indicadores com base na data de 29/07/2020.  Fonte: GuiaInvest

Para aplicar todos esses filtros e fazer uma rápida análise fundamentalista, levei menos de 5 minutos com a ferramenta GuiaInvest PRO.

Você pode assinar a ferramenta com preço promocional e ainda receber gratuitamente o PDF “13 Ações do Corona Opportunity”, que são empresas de setores variados, com o Score mais alto de cada setor.

Teleconferência de Resultados Telefônica 2t20

Ouça a Transmissão da Teleconferência da Telefônica do 2t20 abaixo:

Documentos e arquivos dos Resultados da Telefônica do 2t20

Para conferir os resultados de outros trimestres, em texto ou áudio, acesse a Central de Resultados da Telefônica.

VIVT4 Vale a Pena?

Apesar do momento delicado, a empresa segue resiliente, claro que não apresenta crescimento em suas linhas como seus acionistas gostariam, mas a estabilidade frente aos problemas encontrados mostra a capacidade de VIVT4 em minimamente manter seus números.

Por isso a companhia é considerada um ícone do setor de telecomunicação.

Se a alegria não vem com a valorização das ações, que no ano caem aproximadamente 8%, vem pela forte geração de caixa revertido na forma de proventos para seus acionistas, declarando 1,3 bilhão de reais em forma de JCP.

Gráfico distribuição dividendos telefônica (VIVT4) 2020
Gráfico distribuição dividendos telefônica (VIVT4) 2020. Fonte: Telefônica.

Foi anunciado também um novo programa de recompra de ações com duração de 18 meses.

Os programas de recompra além de ser uma mensagem positiva para o mercado, também gera valor ao acionista considerando que a empresa exclua as ações em tesouraria, aumentando o lucro por ação (LPA).

Menos ações em circulação, considerando manutenção dos lucros, leva aumento ao aumento intrínseco do LPA.

As ações negociam a 21x lucros para 2020 e 5,4x Ebitda para 2020.

Apesar de não ser uma barganha, entendido pela qualidade do ativo e sua resiliência, VIVT4 é um bom cavalo para se ter em carteira em tempos difíceis como o atual.

Importante mencionar que as negociações que envolvem a Oi (OIBR3/OIBR4) se tornam relevantes e podem fazer preço no setor como um todo devido a consolidação do setor.

Se você quer investir em ações com ótimos fundamentos e que estão sendo negociadas com desconto em relação ao seu preço justo, garanta a sua vaga na minha Carteira Seleção Dividendos e receba o meu acompanhamento.

Mas se preferir investir por conta própria, baixe o livro digital com os 5 passos para selecionar ações pagadoras de dividendos, tenho certeza que vai lhe ajudar a tomar uma decisão mais assertiva.

Análise de Ações

DFP da Telefônica 2t20

Confira abaixo os Demonstrativos Financeiros do Resultado da Telefônica do 2t20 na íntegra. 

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE