Em sua tradição anual de recomendar livros, o bilionário Bill Gates compartilhou em seu blog pessoal “GatesNotes” os 5 livros que considerou úteis e inspiradores este ano.

O filantropo e cofundador da Microsoft sempre reserva um tempo para a leitura. Segundo ele, ler livros é sua maneira favorita de aprender sobre um novo assunto.

Desde criança, ele lê, em média, um livro por semana e tem o hábito de compartilhar sua lista de leituras recomendadas.

Em um ano como este, Bill Gates diz que ter explorado diversos assuntos o ajudou a passar por um ano difícil.

“Em tempos difíceis - e não há dúvida de que 2020 se qualifica como tempos difíceis - aqueles de nós que amam ler”, escreveu em seu blog.

Na esperança de que os leitores pudessem encerrar 2020 com uma "boa nota", o bilionário escolheu suas obras favoritas.

Este ano, Gates resolveu se aprofundar em assuntos difíceis, como as injustiças que estão por trás dos protestos Black Lives Matter, contrapondo com algo mais leve no final do dia.

Todas as escolhas de Gates não são ficção e focam em ciência, racismo estrutural e em como a humanidade vai enfrentar em 2021.

Aqui estão os cinco livros recomendados por Bill Gates para as festas de final de ano:

“A Nova Segregação: Racismo e Encarceramento em Massa”, de Michelle Alexander

“Como muitos brancos, tentei aprofundar minha compreensão do racismo sistêmico nos últimos meses”, diz Bill Gates.

O livro revela como o sistema de justiça criminal é desigual e de certa forma “injusto”, especialmente as comunidades negras. 

Gates completa falando que está “mais convencido do que nunca de que precisamos de uma abordagem mais justa para a condenação e mais investimento nas comunidades negras.”

“Por que os generalistas vencem em um mundo de especialistas”, de David Epstein

Neste livro baseado em sua palestra TED de 2014, Epstein argumenta que embora o mundo pareça exigir cada vez mais especialistas, o que realmente precisamos é de mais pessoas “abraçam diversas experiências”.

Bill Gates até reconhece que as ideias do autor “ajudam a explicar parte do sucesso da Microsoft, porque contratamos pessoas que tinham grande amplitude em seu campo e em todos os domínios”.

“O Esplêndido e o Vil: uma Saga Sobre Churchill, Família e Resistência”, de Erik Larson

O livro é um relato histórico da Inglaterra de 1940 e 1941 e a angústia dos cidadãos refugiados em porões e estações de metrô enquanto a Alemanha bombardeava Londres durante a Segunda Guerra Mundial.

Gates faz um paralelo entre o medo e a ansiedade das pessoas daquela época com os que estamos experimentando com COVID-19.

Larson também traça o perfil do líder Winston Churchill e como ele uniu a nação durante o difícil período.

“O Espião e o Traidor: A Maior História de Espionagem da Guerra Fria”, de Ben Macintyre

Relato real sobre como Oleg Gordievsky, um oficial da KGB que se tornou um agente duplo dos britânicos, ajudou a impedir a União Soviética de travar uma terra nuclear contra os Estados Unidos em 1983.

A recontagem da história se dá por fontes ocidentais, incluindo o próprio Gordievsk, mas também da perspectiva russa.

Segundo Gates o livro “é tão emocionante como suas histórias de espiões preferidos."

“Breath From Salt: A Deadly Genetic Disease, a New Era in Science, and the Patients and Families Who Changed Medicine”, de Bijal P. Trivedi

“Uma Doença Genética Mortal, Uma Nova Era na Ciência, e os Pacientes e Famílias que Transformaram a Medicina”, em tradução livre e sem edição em português.

A obra conta como as inovações científicas levam a descobertas revolucionárias na medicina e como isso melhorou a vida de pacientes com fibrose cística e suas famílias. 

Para Gates, isso é “especialmente significativo”, pois conhece famílias que se beneficiaram com os novos medicamentos descritos neste livro. 

Uma parte do trabalho filantrópico de Gates está relacionado ao desenvolvimento de novos remédios para fibrose cística.

Livros recomendado por Bill Gates para o Verão

Aproveitando que o verão inicia logo por aqui, veja os 2 livros relacionados a dinheiro que Bill Gates recomendou em sua lista de livros para o verão deste ano.

Segundo o bilionário, esses livros podem ajudar a orientar seu pensamento sobre sua carreira, dinheiro, economia e negócios em geral. 

No primeiro, “dois economistas brilhantes explicam questões delicadas”. O segundo é “um livro de negócios que eu realmente recomendo”, diz Bill Gates.

“Boa economia para tempos difíceis”, de Abhijit V. Banerjee e Esther Duflo

Os autores ganhadores do prêmio Nobel de economia de 2019, Banerjee e Duflo, mostram como a economia, quando bem aplicada, pode ajudar a resolver os problemas sociais e políticos mais delicados.

O livro pode ajudá-lo a tomar decisões financeiras informadas e como as decisões individuais das pessoas afetam a economia em geral. 

Onde os Sonhos Acontecem: Meus 15 anos como CEO da The Walt Disney, de Robert Iger

No livro, Robert Iger escreve sobre as lições que aprendeu durante seus 15 anos como CEO de uma das empresas mais icônicas da América. 

Qual foi sua visão quando assumiu o comando em 2005 e como, 15 anos depois, a Disney (DISB34) é um colosso que engloba ativos como Pixar, Marvel, Lucasfilm e 21st Century Fox.

E com valor de mercado cinco vezes maior.

Aventuras Empresariais, o melhor livro de negócios segundo Bill Gates

O cofundador da Microsoft não hesita em afirmar que o seu livro de negócios favorito é “Aventuras empresariais”, de John Brooks.

Aventuras Empresariais
'Aventuras Empresariais', o melhor livro de negócios de acordo com Bill Gates.

Ele conta que pouco depois de conhecer Warren Buffett, em 1991, pediu ao megainvestidor que lhe recomendasse um bom livro de negócios . “Business Adventures”, disse ele.

Ainda hoje, Bill Gates considera o livro como o “melhor livro de negócios” que já leu.

Embora muitos negócios tenham mudado, os fundamentos continuam os mesmos.

O livro mostra como as decisões são capazes de alavancar uma empresa ou dizimá-la.